OS MÉTODOS DE TRABALHO

OS MÉTODOS DE TRABALHO

O CORPO COMO INSTRUMENTO

TaKeTiNa usa o corpo como instrumento. Ainda que o uso do corpo para a expressão musical seja algo tão antigo quanto a própria humanidade, TaKeTiNa usa a expressão vocal e os movimentos das mãos e dos pés de uma nova forma: os participantes são gradualmente guiados em três movimentos rítmicos diferentes, com passos, palmas e canto, um desafio até para músicos treinados. Com o uso de nossos métodos, mesmo aqueles sem instrução musical podem aprender. O processo de aprendizado é, portanto, direto e profundo.

 

A voz rítmica

As sílabas sonoras foram desenvolvidas por Reinhard Flatischler e não têm conexão com nenhum idioma humano. Elas são ritmos e sons condensados.

Ao pronunciar as sílabas de TaKeTiNa, você passa dos dentes para a garganta, de volta aos dentes e, finalmente, até o nariz. Repetir essas sílabas rítmicas por longos períodos ativa movimentos rítmicos do sistema nervoso capazes de interromper o pensamento compulsivo.

Nas partes de chamada e resposta, a voz se desdobra em uma terceira camada independente, alternando percepções e tornando a experiência mais profunda.

 

Passos

A maioria dos passos de TaKeTiNa é de movimento lateral, o que estimula intensamente o senso de equilíbrio.

Mover-se, sentir e transferir o peso corporal de um lado a outro por muito tempo forma uma rede que traz uma orientação rítmica e uma base para passos autônomos. As pisadas repetitivas mantêm os participantes ancorados no solo.

 

Palmas e movimentos braçais

Palmas, agitações e movimentos braçais geralmente são associados a movimentos deliberados. Eles exigem que o sistema nervoso seja regulado de maneira diferente e representam o elemento consciente de todas as camadas rítmicas. 

Com a simultaneidade dos movimentos autônomos dos passos e das palmas controladas, duas áreas normalmente separadas do ser humano são unidas. Repetir essas sílabas rítmicas por longos períodos ativa movimentos rítmicos do sistema nervoso capazes de interromper o pensamento compulsivo. Nas partes de chamada e resposta, a voz se desdobra em uma terceira camada independente, alternando percepções e tornando a experiência mais profunda.

 

Percepção simultânea

Todas as três camadas rítmicas do processo de TaKeTiNa (voz, palmas e passos) são simples e elementares por si mesmas. A manifestação simultânea das três, no entanto, leva a uma complexidade que exige uma nova forma de percepção: a “percepção simultânea”.

Trata-se do oposto de “multitarefa”, que consiste em uma flutuação bastante rápida entre dois, três ou mais eventos que ocorrem ao mesmo tempo. Isso, naturalmente, aumenta o estresse, enquanto a percepção simultânea é puro relaxamento.

As informações são processadas em diferentes canais simultaneamente: sensorial e motor, auditivo e vocal, visão externa e visualização interna ocorrem ao mesmo tempo, sem atrasos. A percepção simultânea é uma porta para a quietude interior e uma ferramenta potente para o processamento de informações no dia a dia de nosso mundo atual, caótico e complexo.

Coordenação relativa

TaKeTiNa trabalha com “coordenação relativa”, uma flutuação entre fases de ordem e caos rítmico. Perder e recuperar o ritmo várias vezes faz com que se desenvolva uma confiança profunda nele. O fazer e o deixar acontecer estão conectados, e o ritmo flutua, está vivo e é fácil de perceber. O participante entra em estado de fluxo.

Ao mesmo tempo, os participantes aprendem a lidar com processos caóticos de maneira criativa, e assim desenvolvem flexibilidade física, mental e emocional. Situações incompreensíveis deixam de ser uma ameaça, e o participante aprende que há uma competência em todos os que conseguem encontrar a orientação sozinhos, mesmo quando tudo parece acabado. Assim, ganha-se uma profunda confiança na vida. O medo de cometer erros também diminui, o que faz com que menos erros sejam cometidos.

Movimentos rítmicos primordiais

Pela primeira vez na história humana, temos acesso fácil e imediato a uma abundância de diferentes vozes musicais no planeta. A análise de gravações dos cantos mais remotos do planeta mostra que toda a música emerge dos mesmos movimentos rítmicos primordiais.

Estes são as três manifestações da vibração rítmica: o pulso, a subdivisão e o ciclo, além do poder de sincronização que leva aos arquétipos de batida, polirritmia e ciclos musicais. Aprender com TaKeTiNa significa aprender na raiz do ritmo. TaKeTiNa permite que cada pessoa experimente fisicamente esses movimentos rítmicos primordiais, o que abre toda uma nova dimensão de aprendizado e experiência rítmica.

Aprendizado no seu ritmo

Com o processo de TaKeTiNa, você pode entrar em contato com o ritmo em que consegue aprender da melhor maneira possível. Dentro de um processo de aprendizado coletivo, você é capaz de fazer a própria jornada. Você é convidado a encontrar seu ritmo de aprendizado a qualquer momento. A pressão por resultados de aprendizado em um ritmo que substitui sua capacidade pode atrasá-lo bastante, enquanto fazer pausas no momento certo pode aumentar a velocidade em que você aprende.

No processo de TaKeTiNa, isso permite que todos aprendam no próprio ritmo. Iniciantes, avançados e profissionais podem aprender no mesmo grupo.

O CORPO COMO INSTRUMENTO

TaKeTiNa usa o corpo como instrumento. Ainda que o uso do corpo para a expressão musical seja algo tão antigo quanto a própria humanidade, TaKeTiNa usa a expressão vocal e os movimentos das mãos e dos pés de uma nova forma: os participantes são gradualmente guiados em três movimentos rítmicos diferentes, com passos, palmas e canto, um desafio até para músicos treinados. Com o uso de nossos métodos, mesmo aqueles sem instrução musical podem aprender. O processo de aprendizado é, portanto, direto e profundo.

 

A voz rítmica

As sílabas sonoras foram desenvolvidas por Reinhard Flatischler e não têm conexão com nenhum idioma humano. Elas são ritmos e sons condensados.

Ao pronunciar as sílabas de TaKeTiNa, você passa dos dentes para a garganta, de volta aos dentes e, finalmente, até o nariz. Repetir essas sílabas rítmicas por longos períodos ativa movimentos rítmicos do sistema nervoso capazes de interromper o pensamento compulsivo.

Nas partes de chamada e resposta, a voz se desdobra em uma terceira camada independente, alternando percepções e tornando a experiência mais profunda.

 

Passos

A maioria dos passos de TaKeTiNa é de movimento lateral, o que estimula intensamente o senso de equilíbrio.

Mover-se, sentir e transferir o peso corporal de um lado a outro por muito tempo forma uma rede que traz uma orientação rítmica e uma base para passos autônomos. As pisadas repetitivas mantêm os participantes ancorados no solo.

 

Palmas e movimentos braçais

Palmas, agitações e movimentos braçais geralmente são associados a movimentos deliberados. Eles exigem que o sistema nervoso seja regulado de maneira diferente e representam o elemento consciente de todas as camadas rítmicas. Com a simultaneidade dos movimentos autônomos dos passos e das palmas controladas, duas áreas normalmente separadas do ser humano são unidas.

Repetir essas sílabas rítmicas por longos períodos ativa movimentos rítmicos do sistema nervoso capazes de interromper o pensamento compulsivo. Nas partes de chamada e resposta, a voz se desdobra em uma terceira camada independente, alternando percepções e tornando a experiência mais profunda.

 

Movimentos rítmicos primordiais

Pela primeira vez na história humana, temos acesso fácil e imediato a uma abundância de diferentes vozes musicais no planeta. A análise de gravações dos cantos mais remotos do planeta mostra que toda a música emerge dos mesmos movimentos rítmicos primordiais.

Estes são as três manifestações da vibração rítmica: o pulso, a subdivisão e o ciclo, além do poder de sincronização que leva aos arquétipos de batida, polirritmia e ciclos musicais. Aprender com TaKeTiNa significa aprender na raiz do ritmo. TaKeTiNa permite que cada pessoa experimente fisicamente esses movimentos rítmicos primordiais, o que abre toda uma nova dimensão de aprendizado e experiência rítmica.

COORDENAÇÃO RELATIVA

TaKeTiNa trabalha com “coordenação relativa”, uma flutuação entre fases de ordem e caos rítmico. Perder e recuperar o ritmo várias vezes faz com que se desenvolva uma confiança profunda nele. O fazer e o deixar acontecer estão conectados, e o ritmo flutua, está vivo e é fácil de perceber. O participante entra em estado de fluxo.

Ao mesmo tempo, os participantes aprendem a lidar com processos caóticos de maneira criativa, e assim desenvolvem flexibilidade física, mental e emocional. Situações incompreensíveis deixam de ser uma ameaça, e o participante aprende que há uma competência em todos os que conseguem encontrar a orientação sozinhos, mesmo quando tudo parece acabado. Assim, ganha-se uma profunda confiança na vida.
O medo de cometer erros também diminui, o que faz com que menos erros sejam cometidos.

PERCEPÇÃO SIMULTÂNEA

Todas as três camadas rítmicas do processo de TaKeTiNa (voz, palmas e passos) são simples e elementares por si mesmas. A manifestação simultânea das três, no entanto, leva a uma complexidade que exige uma nova forma de percepção: a “percepção simultânea”.

Trata-se do oposto de “multitarefa”, que consiste em uma flutuação bastante rápida entre dois, três ou mais eventos que ocorrem ao mesmo tempo. Isso, naturalmente, aumenta o estresse, enquanto a percepção simultânea é puro relaxamento.

As informações são processadas em diferentes canais simultaneamente: sensorial e motor, auditivo e vocal, visão externa e visualização interna ocorrem ao mesmo tempo, sem atrasos. A percepção simultânea é uma porta para a quietude interior e uma ferramenta potente para o processamento de informações no dia a dia de nosso mundo atual, caótico e complexo.

Aprendizado no seu ritmo

Com o processo de TaKeTiNa, você pode entrar em contato com o ritmo em que consegue aprender da melhor maneira possível. Dentro de um processo de aprendizado coletivo, você é capaz de fazer a própria jornada. Você é convidado a encontrar seu ritmo de aprendizado a qualquer momento. A pressão por resultados de aprendizado em um ritmo que substitui sua capacidade pode atrasá-lo bastante, enquanto fazer pausas no momento certo pode aumentar a velocidade em que você aprende.

No processo de TaKeTiNa, isso permite que todos aprendam no próprio ritmo. Iniciantes, avançados e profissionais podem aprender no mesmo grupo.

WOULD YOU LIKE TO LEARN MORE?

Please join our newsletter
to receive monthly news per mail.

WOULD YOU LIKE TO LEARN MORE?